ESTUDOS TEOLÓGICOS, INTERPRETAÇÃO DA BÍBLIA, ESBOÇO PARA AULAS DA ESCOLA DOMINICAL, ETC

____________________________________________________________________________________

quinta-feira, 12 de abril de 2012

ESCOLA DOMINICAL - Esboço e Subsídio - Lição 3 - CPAD

 
       AULA EM 15 DE ABRIL DE 2012 – LIÇÃO 3
          Revista: CPAD

Tema: Éfeso , A Igreja do Amor Esquecido" 

Texto Áureo:  Ap 2.5

 _________________________________________
- A paz do Senhor amado(a) professor(a) veja esse esboço comentado e
monte a tua aula.

 INTRODUÇÃO

- Comente esses adjetivos que foram dados a igreja de Éfeso:
- "dinâmica", que produz energia pelo trabalho, avivada, que está
sempre em atividade.
- "ortodoxa", que é verdadeira, que segue fiel à doutrina.
- "apologética por excelência", defensora da fé e da sã doutrina.
- "extenuante labor", trabalho em excesso.
- Comente que todos os problema relatados nas sete cartas, são
 encontrados nas igrejas de hoje, não havendo necessidade de
seja escritas novas cartas, os problemas são os mesmos. Cada 
igreja e cada crente deve ler estas sete cartas e avaliar a si mesmo,
verificando se há algo que precisa ser corrigido.
___________________________________
I. ÉFESO, UMA IGREJA SINGULAR

           1. Paulo em Éfeso.
            - Paulo contou com o apoio de Áquila e Priscila, para firmar
            a igreja neste cidade.
            - O avivamento chega na terceira viagem missionária Fig 1 de Paulo.  

            2. A solidez doutrinária.
          - "maior teólogo", Paulo é considerado o apóstolo que melhor
            entendeu o plano da salvação.
            - Apesar de toda a base teológica que a igreja de Éfeso tinha,
            ela acabou se esfriando no amor. Vimos que ter conhecimento
            não quer dizer nada, porém colocar esse conhecimento em
            prática é que faz toda a diferença.

            3. Uma igreja de ministros excelentes.
           - "ministros excelentes", deve ter ocorrido uma acomodação
            dos crentes de Éfeso.
           - Às vezes quando temos tudo para dar certo, deixamos que a
           acomodação entre e então o inimigo se aproveita.
         
            _____________________________________________
II. O PROBLEMA DE ÉFESO

            1. Um grave problema.
             - "ela não o percebera", ela não percebeu porque o problema
             não aconteceu de repente,  era um probleminha e foi crescendo
             até se tornar um problemão.
             - Ensine que ninguém cai de repente, ninguém se desvia de
             repente. Os ministérios não se racham de repente.
             - Quando alguém cai em pecado, já havia uma semente de corrupção
             dentro da pessoa.
             - Quando alguém se desvia, já havia uma insatisfação ou uma
             tristeza na pessoa.
             - Quando um ministério racha, já havia uma rixa no meio dos irmãos.
         
            2. O primeiro amor.
             - É difícil definir o primeiro amor, pois ele se processa diferente
             na vida de cada um.
             - Geralmente vem em forma de uma empolgação que não podemos,
             então procuramos fazer de tudo, queremos estar em todos os
             cultos, em todos os trabalhos, queremos falar só das coisas de
             Deus, até meio descontrolado. Conforme passa o tempo, o crente
             percebe que a falta de controle não é boa, por isso passamos
            a nos equilibrar mais e a controlar melhor nosso tempo e nossas
            atividades. O primeiro amor está presente mas só que de forma
            controlada, mais racional.
            - O problema  acontece quando esse amor começa a se esfriar.
            Ex: Controle - quando estou com vontade de estar na igreja, mas
             preciso reservar um tempo para a minha família.
             Problema - quando deixo de sentir vontade de ir para a casa
             do Senhor.


            3. Amnesia do amor.
            - Comente que de devido o passar do tempo, a mesmice
            e a acomodação. Eles se tornaram crentes só de carteirinha,
            somente religiosos, viviam só no estereótipo e vazios por
            dentro.
             - Diga enfaticamente que essa realidade pode atingir qualquer
             um, até os crentes de ministérios.
            _______________________________________
            III. VOLTANDO AO PRIMEIRO AMOR
            - Se não percebermos a falta do primeiro amor em nossa
            vida eclesiástica, então num dado momento ao lermos
            essa carta perceberemos esse problema e ouviremos o
            Senhor Jesus falando conosco pessoalmente.
            - Mas se além de não percebermos, a nossa congregação
            não tiver ensino da Palavra, então tudo estará perdido!
            - E saiba que muitas igrejas não tem mais nem a EBD.

           1. Rica em obras, pobre em amor.
            - Acrescente que nesses últimos dias o amor de muitos
            tem se esfriado, e estão se tornando crentes que trabalham
            que detestam coisas erradas, mas por dentro não tem amor.
            - Se tornam bons em apontar os erros e repreender os
            nicolaítas, mas já não sentem emoção com a Palavra, não
            se alegram com as conversões, nem com o poder de Deus
            sendo manifestado.

           2.  Amar é a mais elevada das obras.
           - "amar as bençãos", a pratica de amar as bençãos está
           muito comum atualmente, existem ministérios que se dedicam
           somente a buscar essas bençãos.
           - Por isso existem crentes que quando recebem as bençãos
           desaparecem da igreja.
           _____________________________________
           IV. LEMBRANDO-SE DO PRIMEIRO AMOR
                     
           1. Lembrar-se de onde caiu.
             - "de onde caíste", significa lembrar-se do que éramos
           e do que fazíamos antes de sermos salvos. Para sabermos
           que corremos o risco de voltar a fazer tudo de novo como
           o cão que volta a comer o próprio vômito.
           - Se você achar conveniente diga:
              A prática do pecado consumia nosso dinheiro, prejudicava
           a educação de nossos filhos, envergonhava o conjugue,
           nos descredibilizava, afastava os amigos, afastava as
           oportunidades de emprego, gerava depressão, mágoa
           tristeza interior. Éramos mal vistos, não tínhamos paz com
           com Deus, nem com o mundo. Tínhamos vícios terríveis:
           drogas, vícios sociais: alcoolismo e tabagismo e vícios ocultos:
           pornografia e desejos imorais. E diversas outras coisas que
           nos aprisionavam.
       
           2. Voltar a prática das primeiras obras
           - Comente que fomos libertos, foi tirada nossa imundícia, trocada
           nossas vestes, levantada nossa cabeça, mudado nosso
           nome, renovada nossa esperança, nos foram dados a fé e
          o amor. Recebemos livramentos, vimos milagres, vimos curas, e
          outro tanto se nos tivesse faltado o Senhor nos daria.
          - Por conta disso, nós jejuamos, oramos muito, estudamos
          a Palavra com desejo de saber mais, aconselhamos, pregamos
          visitamos, abraçamos resgatamos muitas vidas, até mesmo
          nossos parentes.
          - Convide os alunos a verificar qual dessas obras eles
          deixaram de fazer por não sentirem mais interesse nem
          motivação.


           3. Amar a vinda de Cristo
           - Comente que muitos fazem planos excessivos para esta
           vida e se esquecem de investir na vida futura.
           - Atualmente pouquíssimos crentes aguardam realmente
           a vinda de Cristo. Gostam da pregação de auto-ajuda
           para viverem tranquilos nesse mundo e esperam a provisão
           de Deus para estarem saciados aqui.
            - Enfatize a pergunta da lição.
            _________________________________________
            CONCLUSÃO  
            - Peça para os alunos fazerem uma avaliação de seu próprio
            amor e cada um julgue a si mesmo, se ainda está no primeiro
            amor ou se já esfriou.
            - Ore com eles convidando-os a retornarem às primeiras obras
            e ao primeiro amor.

            Graça e Paz, boa Aula!

                  FIGURA 1
             
               Terceira viagem missionária de Paulo - Deixou uma igreja em Éfeso
                                    


                NESSE DOMINGO ESTAREI MINISTRANDO NA EBD DA SANTA CEIA
                SE PENSAM QUE SEGUIREI A RISCA ESSE ESBOÇO ESTÃO ENGANADOS
                NA HORA DEUS DÁ MAIS. PAZ EM CRISTO.
                Marcos André - Professor

2 comentários:

  1. paz do senhor.Gostei muito dos esboços foi a primeira vez que eu vi.Vou sempre estudar antes de ir para a escola dominical.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Glória a Deus,pode ficar a vontade, Deus continuará a nos revelar a sua Palavra para compartilharmos aqui no CLUBE DA TEOLOGIA.
      Graça e Paz.

      Excluir

Devido a comentários ofensivos, os comentários serão verificados pelo administrador do CLUBE DA TEOLOGIA e serão liberados posteriormente. Não serão permitidos comentários ofensivos a pessoa e as críticas não assinadas ou não fundamentadas.