INICIE CLICANDO NO NOSSO MENU PRINCIPAL



__________________________________________________________________

quinta-feira, 13 de abril de 2017

ESCOLA DOMINICAL CPAD ESBOÇO - Subsídio da Lição 3 - Revista CPAD - ADULTOS


AULA EM 16 DE ABRIL DE 2017 – LIÇÃO 3
(Revista: CPAD)

Tema: Melquisedeque, o Rei de Justiça

Texto Áureo: Hb 7.17
  
INTRODUÇÃO
- Professor(a), nesta lição fale sobre esse personagem que é pouco mencionada na Bíblia, mas tem uma história profunda e santa.
- “é um personagem enigmático na história bíblica”, significa que a vida de Melquisedeque é misteriosa para nós, pois ele aparece e ninguém sabe de onde veio ou onde seria o reino que ele menciona.
- “no meio de uma gente idólatra e corrompida”, ao que tudo indica ele habitava em um reino da terra de Canaã que era mergulhada na idolatria.
- “sem fazer parte da linhagem de Israel”, ele era estrangeiro e com isso percebemos que Deus não se manifestou somente ao povo de Israel, mas também a diversos outras pessoas de outras nações.
- “era sacerdote do Deus Altíssimo”, mostrando que Deus tinha uma outra ordem sacerdotal.
- “ordem sacerdotal, com aspectos peculiares”, as características da ordem sacerdotal de Melquisedeque fez com que ele fosse usado como exemplo.
_______________________________________
I - QUEM ERA MELQUISEDEQUE

1. Um personagem misterioso. 
- “de forma inesperada e até misteriosa.”, ele aparece quando Abraão está retornando da guerra contra os reis que levaram Ló cativo. O interessante é que ele é citado como se todos o conhecesse.
- “que ele era “Rei de Salém” (Rei de Paz)”, há suspeitas de que ele fosse de cidade que mais tarde seria chamada de Jerusalém.
- “ele era “sem pai, sem mãe, sem genealogia”, embora o texto bíblico mencione dessa forma, devemos entender que não significa que ele não tivesse nascido de um pai e mãe, mas apenas que seus pais não são mencionados e que seus nomes não interessam para o ofício sacerdotal, diferente da ordem de Arão que importa o nome dos pais do sacerdote para comprovar sua legitimidade.

2. Onde ele aparece na Bíblia.
- “reis de Sodoma e Gomorra, onde o patriarca habitava, foram derrotados”, o patriarca Ló estava habitando no meio dos pecadores, pervertidos e idólatras, por isso devemos entender que por mais que sejamos tolerantes com os pecadores não devemos estar sempre misturados com eles.
- “Abraão foi à guerra com 318 criados”, é impressionante como Abraão vence com 318 homens, um exército de quatro reis, mas devemos levar em consideração que os quatro reis haviam acabado de lutar contra os de Sodoma e Gomorra e foram surpreendidos por uma tropa que não sabiam da existência.

3. Características de Melquisedeque.
- “só poderia ser resultado da bênção de Deus sobre Abrão”, é possível também que Melquisedeque tenha tido uma revelação de Deus, não sabemos.
- “trouxe pão e vinho”, não por um ritual já existente, mas somente para alimentar o pequeno exército de Abraão.
- “por meio de uma tradição que se espalhou após o Dilúvio”, sabemos que após o dilúvio o conhecimento acerca da existência de um Deus no céu passou a todos os povos, tanto que a história de uma inundação que quase destruiu a raça humana é conhecida em todas as culturas pelo mundo.
- “O dízimo é mais uma gratidão do que uma obrigação.”, ninguém deveria ser cobrado que desse o dízimo, pois ele deve ser visto como um ato de gratidão, aquele que não entrega o dízimo está na verdade sendo ingrato a Deus.
_________________________________
II - LIÇÕES DO CARÁTER DE MELQUISEDEQUE

1. Um caráter justo. 
- “Suas atitudes decorriam de seu caráter ilibado e santo”, todo mundo age e fala conforme o tem no seu coração esse é o caso de Melquisedeque. Se alguém que se diz crente age de maneira incondizente com a Palavra é porque seu coração já está corrompido.

2. Um caráter pacífico.
- “Certamente Melquisedeque era um homem pacífico”, simbolizando o Senhor Jesus que é o príncipe da paz, Paulo chega a dizer que temos paz com Deus por nosso Senhor Jesus Rm 5.1
- “dever moral e espiritual de sermos promotores da paz”, assim como seria ncondizente Melquisedeque ser rei de paz e ser um homem nervoso e arrogante, também seria incondizente a gente ser mensageiro do Príncipe da Paz e ter atitudes iracundas.
- “para com as pessoas de fora do nosso ambiente.”, ou seja, para com aqueles que não são crentes, a fim de anunciarmos com nossas atitudes o bom nome de Jesus ao mundo.
___________________________________________
III - SEGUNDO A ORDEM DE MELQUISEDEQUE

1. Um novo sacerdócio.
- “mudança do sacerdócio levítico por outro que lhe era superior”, aquele era somente uma preparação para o outro, que viria a seu tempo. O levítico foi um sacerdócio constituído por homens falhos e o outro é o de Cristo constituído por aquele que é perfeito.
- “estamos debaixo do sacerdócio de Cristo”, é o sacerdócio eterno, pois o sacerdócio levítico passava de pai pra filho, mas o de Jesus é permanente.
- “somos considerados sacerdotes reais”, significa “sacerdotes oriundos da realeza”, pois foi Jesus quem nos outorgou o sacerdócio e Ele é o Rei, sendo assim, o nosso sacerdócio é real.

2. Jesus Cristo, o sacerdócio perfeito.
- “Jurou o Senhor e não se arrependerá”, quer dizer, não voltará atrás.
- “Era uma mensagem profética e messiânica,”, escrita na época do rei Davi e teve seu cumprimento uns mil anos depois.
- “não era reconhecida pelos judeus”, eles acreditavam que era a respeito do Messias, porém não conheciam a profundidade dessa palavra que teve seu cumprimento em Jesus.
- “Cristo não se glorificou a si mesmo, para se fazer sumo sacerdote”, esse é um aspecto do caráter de Jesus que devemos imitar.

3. A ordem de Melquisedeque.
- “Ele pertencia à tribo de Judá”, Deus não substituiria simplesmente o sacerdócio de Arão por outro sem que houvesse uma explicação razoável, pois o Seu Reino não é desorganizado, dessa forma Deus trouxe um sacerdote de uma outra ordem.
- “Jesus é superior a Levi, a Arão, a Abraão e a todos”, o nosso caráter como sacerdotes deve ser a imitação de Jesus, pois o Seu sacerdócio é superior, pois assim como Melquisedeque Ele é de paz e é justo, também nós devemos ter paz e ser justos.
____________________________________
CONCLUSÃO
- “seu sacerdócio tornou-se tipo do sacerdócio de Cristo”, sendo Melquisedeque gentio, também Jesus tem um sacerdote voltado para os gentios.
- Faça uma revisão da aula com os alunos.
- Não deixe de corrigir o questionário.

Respostas:
   
Quando Melquisedeque aparece na história bíblica?
Quando Abrão retornou de uma jornada arriscada, em que salvou seu sobrinho.

Que funções Melquisedeque exercia?
Ele era rei de Salém e sacerdote do Deus Altíssimo.

Por que Abrão deu o dízimo a Melquisedeque?
Porque entendeu que, tendo sido abençoado pelo sacerdote do Deus Altíssimo, deveria ser grato a Deus pela bênção da vitória.

Como Melquisedeque demonstrou que era servo de Deus?
No seu encontro com Abrão, ao dizer: “... Bendito seja Abrão do Deus Altíssimo, o Possuidor dos céus e da terra; e bendito seja o Deus Altíssimo, que entregou os teus inimigos nas tuas mãos...” (Gn 14.19,20 a).

Por que o sacerdócio de Cristo é superior ao de Melquisedeque?
Por ser um sacerdócio perfeito e eterno.

Pr Marcos André – professor
Contatos palestras, aulas e pregações: 21 969786830 (Tim e zap) 21 992791366 (Claro)


Boa Aula!

SE VOCÊ QUER AJUDAR ESSA OBRA, ENTÃO CLIQUE NO ANÚNCIO ABAIXO!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Todos os comentários estão liberados, dessa forma o seu comentário será publicado direto no CLUBE DA TEOLOGIA.
Porém se ele for abusivo ou usar palavras de baixo calão será removido.