INICIE CLICANDO NO NOSSO MENU PRINCIPAL



__________________________________________________________________

sábado, 13 de maio de 2017

ESCOLA DOMINICAL BETEL ESBOÇO - Subsídio da Lição 7


AULA EM 14 DE MAIO DE 2017 – LIÇÃO 7
(Revista: Editora Betel)

Tema: A coragem de um profeta levantado por Deus

Texto Áureo: Jr 36.2
  
INTRODUÇÃO
- Querido(a) professor(a), nesta lição ressalte os aspecto da coragem manifestada pelo profeta Jeremias em seu tempo. Pergunte a classe: será que poderíamos ter essa mesma coragem hoje?
- “que o profeta Jeremias amava ao Senhor de Israel”, não teria como ninguém fazer o que fez o profeta Jeremias sem amar a Deus acima de todas as coisas. Até hoje a obra de Deus requer a fé, mas acima de tudo requer amor.
__________________________________________
1. Coragem para decidir qual lado ficar
- “Um fogo ardia dentro dele, misturado com entusiasmo”, não somente o fogo do Espírito Santo deve arder dentro de nós, precisamos estar entusiasmo com a chamada, dessa forma faremos tudo conforme requer o Senhor. Notamos hoje crentes que tem a chamada, porém lhes falta o entusiasmo.

1.1. A loucura do rei Jeoaquim.
- “orientou a escrever um livro sobre todas as palavras”, Deus tinha o desejo de eternizar tudo que foi profetizado, assim como orientou a Daniel selar o livro para o tempo do fim Dn 12.4
- “ordenou ao seu escrivão que fosse e lesse os escritos”, Deus poderia usar outro profeta, mas preferiu suar o mesmo Jeremias, isso mostrou que não adianta parar um servo de Deus. Tanto naquela época como hoje há recursos para se ministrar a mensagem do Senhor.
- “no seu palácio de inverno, sentado perto do fogo”, muito confortável para quem estava prestes a perder o reino, assim estão as autoridades da Terra, tranquilas diante do colapso que está prestes a acontecer no mundo.
- “ficaram com medo ou mostraram qualquer sinal de arrependimento”, estavam pecando obstinadamente, era o momento da destruição, quando o mundo chegar a esse patamar, então virá o fim.

1.2. Jeremias se esconde do rei.
- “Mas o Senhor já os tinha escondido”, Deus não precisa de muito esforço para esconder alguém, basta ocultar aos olhos da pessoa que o busca. Há muitos relatos disso na História.
- “Em algumas situações, a fuga é a melhor decisão”, principalmente nas situações em que Deus ainda tem uma obra para fazer conosco. Nem sempre se esconder será sinal de covardia ou medo.
- “necessitamos ir ao ambiente da intimidade”, são nesses momentos que aprendemos algumas coisas que não saberíamos jamais pelos livros, assim como Elias aprendeu que não era só ele que permanecia fiel a Deus.

1.3. Resiliência.
- “lidar com seus próprios problemas”, não estar o tempo todo dependendo de outros para os guiar, Deus chama a todos à maturidade.
- “funcionar bem sob pressão”, essa é uma qualidade importantíssima para um pastor, missionário, profeta, pregador e líderes em geral. A pressão faz parte da obra de Deus.
- “O rei pensava que, queimando o rolo, fosse calar a Palavra de Deus”, alguns hoje tentam queimar a Bíblia, classificando-a como um livro escrito por homens, intolerante, homofóbico, etc. Isso são tentativas de se calar a voz de Deus.
_____________________________________________
2. A importância da cooperação
- “Por isso, Deus, o marido, não queria, mais saber da esposa”, a metáfora usada sobre casamento representa como Deus se sentia em relação ao Seu povo. Por isso a destruição viria de qualquer jeito.

2.1. O sucesso de Jeremias estava na sua atitude.
- “A atitude é o critério para o sucesso”, ninguém pode vencer se não tomar atitudes corretas.
- “sobrevêm sobre a vida do profeta Jeremias”, pois ele é um nome que se acha quando se pensa sobre atitudes. Será que os nossos nomes surgem quando alguém pensa em fidelidade, coragem, amor, etc.
- “decide ficar do melhor lado: o lado de Deus”, um lado que muitos abandonam quando sentem que estão restes a sofrer. Outros, no entanto, não abandonaram e por isso esse evangelho chegou a nós hoje.
- “um exemplo de quem tomou a atitude correta”, Jeremias não foi um pregador e profeta de muito sucesso em sua época, porém até hoje se fala no nome dele nos quatro cantos do mundo. Certas decisões que tomamos agora não nos trará o retorno no presente, mas farão a diferença no futuro.
- “Profetizar é ver o Senhor convocando Seu povo de volta”, é abrir os olhos do povo para as coisas futuras e breves. Por isso todos os que recebem a palavra da profecia recebem também o dever de fazer conhecer ao povo de Deus.

2.2. Deus sempre coloca pessoas para nos ajudar.
- “pessoas em nossos caminhos para nos ajudar”, e nem sempre essas pessoas são servos de Deus, à ocasiões em que Deus usa até mesmo um ímpio para nos abençoar.
- “mas também “para edificar e plantar””, a mensagem na boca de Jeremias tinha dois objetivos antagônicos, ele profetizaria de juízo, mas também falaria de esperança para o povo de Deus.
- “pede que seu escriba, Baruque,”, esse foi quem escreveu o livro de Jeremias, era um homem letrado e foi uma grande ajuda na obra de Deus confiada às mãos do profeta Jeremias.
- “Baruque sem dúvida, estava a par dos riscos”, Jeremias não ficou conhecido na época, mas ficou famoso depois da destruição, porém Baruque jamais ficou conhecido, quase não se fala dele, mas foi uma grande ferramenta naquela chamada.

2.3. Baruque: um amigo na alegria e na dor.
- “é bem conhecido dos amantes da Escrituras”, infelizmente esses amantes são bem poucos, são aqueles que gostam de se aprofundar nos textos bíblicos.
- “Baruque teve um conflito e desabafou”, algo natural para muitos obreiros que se engajam em obras tão espinhosa como aquela, ainda hoje vemos bons obreiros entrando em cavernas por passarem em conflitos como o de Baruque.
- “O desabafo era o ralo por onde fluíam suas lágrimas”, todo obreiro precisa de uma válvula de escape, para alguns bastam se derramar em oração, outros porém, ainda não possuem essa maturidade e por isso precisam mais do que isso, precisam de um obro mesmo.
________________________________________
3.  Cumprindo a missão em tempos difíceis
- “declarou que o mesmo sofreria oposição e perseguição”, Deus foi realista com Jeremias e assim deveriam ser alguns líderes e pregadores do tempo presente, mas escolheram pregar prosperidade e grandes vitórias.

3.1. Convicção da chamada de Deus.
- “é ter convicção quanto ao chamado”, quando a pessoa não tem a convicção ela muda de direção rapidamente e várias vezes, não sabemos se está trabalhando com missões, com casais, se está cantando, ou pregando, cada momento a pessoa está com algo diferente.
- “contribui para resistir diante das oposições, rejeições”, Sem convicção a pessoa para diante de qualquer dificuldade, até começa bem, mas não suporta as lutas e parte para outra.
- “sabia que tinha sido comissionado por Deus”, por isso é importante deixarmos Deus chamar, e não nos promover a cargos nenhum, mas deixar que Deus nos coloque onde Ele quer, aí teremos sempre a certeza.

3.2. Crer na Palavra de Deus.
- “Ele não se calou! O apóstolo Paulo assim escreveu: “Cri, por isso falei”, a melhor coisa para um anunciador da Palavra é crer ardentemente nela, senão anunciará sem convicção e poucos receberão. Conhecemos muitos pregadores que hoje estão desviados, no fundo, não criam naquilo que anunciavam.

3.3. Perseverança.
- “é um exemplo de perseverança”, ele perseverou mesmo quando tudo ao redor indicava que não, algumas profecias pareciam que não se cumpririam como a de Jr 32.15 onde Deus deu uma palavra de esperança ao povo e se cumpriu após o cativeiro.
- “mesmo espalhados, “iam por toda a parte anunciando”, eles foram perseguidos justamente por anunciar o Evangelho, mas nem assim pararam de fazê-lo.  

CONCLUSÃO
- “num momento crucial da história de Israel”, o cativeiro mudou para sempre o estilo de vida do povo judeu, nunca mais se apartaram da Palavra de Deus, quando voltaram do cativeiro eles pediram para serem ensinados na Palavra, foi quando surgiram as sinagogas.
- Faça o resumo para a revisão e corrija o questionário.

QUESTIONÁRIO
                  
1. O que percebemos ao estudar o livro de Jeremias?
R: Que ele tinha convicção do seu chamado (Jr 1.4).

2. O que o rei Jeoaquim fez com o rolo após escutar o que estava escrito?
R: Ficou muito irritado, pegou um canivete, cortou o rolo em pedaços e jogou no fogo (Jr 36.23).

3. Cite um personagem da Bíblia que fugiu?
R: José (Gn 39.7, 13).

4. O que é profetizar?
R: É ver o Senhor convocando Seu povo de volta para Si (1Pe 2.9).

5. O que sustentou Jeremias?
R: A certeza de que a Palavra de deus é a verdade (Jr 43.5, 8).

Marcos André – professor
Contatos palestras, aulas e pregações: 21 969786830 (Tim e zap) 21 992791366 (Claro)

Boa Aula!

SE VOCÊ QUER AJUDAR ESSA OBRA, ENTÃO CLIQUE NO ANÚNCIO ABAIXO!  

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Todos os comentários estão liberados, dessa forma o seu comentário será publicado direto no CLUBE DA TEOLOGIA.
Porém se ele for abusivo ou usar palavras de baixo calão será removido.